Congresso Paranaense de Radiodifusão vira programa de rádio

A cerimônia de abertura do 25º Congresso Paranaense de Radiodifusão, realizada nesta quarta-feira (18), no Torres Eventos sede Kennedy, inovou e apresentou a paixão e a força do meio rádio. A solenidade e todo o evento serão apresentados como um programa de rádio.

Cerca de 350 pessoas, entre radiodifusores, empresários e autoridades puderam acompanhar a solenidade sintonizados na 25FM – emissora fictícia criada para o evento.

O presidente da Aerp, Alexandre Barros, fez um balanço dos 4 anos de gestão, ressaltou a programação do Congresso e falou sobre o futuro. “Nossos desafios são muitos. Grandes temas ainda dependem da nossa atenção. É urgente encerrarmos a questão das comunitárias com uma legislação justa e equilibrada que deixe claro que rádio comunitária não é negócio e sim prestação de serviço social sem fins lucrativos. Temos que aprovar e regulamentar a lei do chip FM que, ao ser sancionada, colocará nas ruas mais 200 milhões de receptores de rádio”.

Já o presidente do Sert-PR, Cezar Telles, falou sobre o desafio de garantir a viabilidade financeira do sindicato após as mudanças na legislação trabalhista. “Temos agora um grande desafio que é garantir a viabilidade financeira do nosso sindicato, reconhecido em todo o Brasil. Conto com a colaboração de todos para continuarmos trabalhando por todos os radiodifusores”, destacou.

Eduardo Pimentel, vice-prefeito de Curitiba, destacou a inovação. “Assim como o tema deste ano do Congresso, nosso lema é a inovação. Ano passado recebemos o prêmio da cidade mais inovadora”, além de destacar as ações da gestão Pimentel falou sobre sua experiência com o meio rádio. “O rádio me proporcionou uma grande emoção. Participei de uma entrevista no rádio com meu avô. Foi muito emocionante”.

O governador Ratinho Junior falou da alegria em participar do evento e pediu mais união aos radiodifusores. “Cresci no rádio junto com meus irmãos, é uma paixão. O grande desafio do setor é se valorizar. É preciso começar a fazer um trabalho cultural, mostrando a importância do rádio para as agências”.

A surpresa, de transformar o evento em um programa de rádio, fez os participantes entenderem a imprevisibilidade e a concretude do meio. Características que, mesmo com as mudanças através das novas ferramentas de comunicação, permanecem. Para o vice-presidente da Aerp, Michel Micheleto o rádio sempre se reinventa. “A tecnologia vai mudando e nós vamos aperfeiçoando nosso trabalho, mas a essência da rádio é a mesma”.

Experiência e vivência

Outro momento emocionante e importante para o meio Rádio foi a solenidade de entrega da comenda aos Guardiões da Aerp, que condecorou os seguintes conselheiros: Augustinho Seleski, João Lydio Bettega, Paulo Pimentel, Mário Petrelli, Valdir Pagnoncelli, Ilídio Coelho Sobrinho, Roberto Lang, Elias Augustinho, Luiz Carlos Martins, Carlos Massa “Ratinho”, Maria Luiza Cruz de Oliveira, Benedito Sydinor Pessoa, Edison Silva Lino, João Garcia, José Linhares, Alvaro Dias, Ricardo Spinosa e João Baptista Faria.

Durante o decorrer deste ano, o presidente da Aerp, Alexandre Barros, junto com sua diretoria entendeu que deveria desfrutar da experiência e vivência de profissionais de renome ligados ao mercado do rádio e da TV do Paraná.

Assim foi criado o Conselho Permanente Guardiões da Aerp. Ele tem caráter consultivo e será convocado em momentos decisórios, sempre que a gestão necessitar de aconselhamento.

O presidente da Aerp, Alexandre Barros falou sobre a importância do Conselho Guardiões da Aerp. “Criamos o Aerp Jovem e precisamos da experiência de todos para orientar as novas gerações que irão assumir a entidade no futuro. Nos ajudem a fazer uma entidade cada vez mais forte e representativa. Muito obrigada por todo o trabalho realizado”.

PRESENÇAS – Participaram também da cerimônia de abertura o secretário da Infraestrutura e Logística, Sandro Alex; o presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero; o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel Slaviero; o presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira; o presidente da Associação Comercial do Paraná, Gláucio Geara; e os deputados estaduais Emerson Bacil e Luiz Carlos Martins.

Fonte: AERP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *