Cobertura jornalística da Assembleia Geral da CNBB

Um grupo de 98 profissionais, entre jornalistas, produtores, cinegrafistas, fotógrafos e técnicos de cerca de 20 veículos de comunicação leigos e religiosos, incluindo tvs, jornais, rádio, sites e redes sociais se cadastrou para fazer a cobertura jornalística da 56ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil que acontece de 11 a 20 de abril em Aparecida (SP).

Durante os nove dias de assembleia a coordenação do trabalho de credenciar, atender e facilitar o acesso dos jornalistas ao episcopado brasileiro será feita pela Assessoria de Imprensa da CNBB. Uma equipe de jornalistas em Aparecida (SP) e em Brasília (DF) produzirá diariamente matérias para alimentar o portal da CNBB (www.cnbb.org.br) e o boletim de TV Igreja no Brasil, além de alimentar as redes sociais da entidade.

A Assessoria de Imprensa da CNBB em parceria com o Portal A 12 (http://www.a12.com) transmitirá online as Coletivas de Imprensa que acontecerão todos os dias às 15h durante o evento.

Um grupo de cerca de 65 jornalistas e assessores de imprensa das Arquidioceses e regionais da CNBB, participantes no IX Encontro Nacional de Jornalistas que atuam na Igreja no Brasil, se comprometeu a divulgar os conteúdos em diferentes plataformas bem como participar remotamente da assembleia enviando sugestões de pautas e perguntas.

Meeting points – Pela segunda vez, a Assessoria de Imprensa da CNBB realiza os Meeting Points uma oportunidade a mais para que temas que não necessariamente serão tratados nas coletivas de imprensa sejam cobertos pelos jornalistas presentes ao evento. Um dos temas, por exemplo, é a atuação da Igreja em regiões extremas do país, no dia 16/04, às 9h, com a participação de Dom Pedro José Conti – bispo de Macapá (AP) e de Dom Ricardo Hoepers – bispo de Rio Grande (RS).

Sob a coordenação da Signis Brasil a rede de emissoras de TV de inspiração Católica, entre elas a Rede Vida de Televisão e a Canção Nova, estará com suas equipes atuando na cobertura do evento para fazer com que os assuntos e temas cheguem a um maior número de pessoas. A cobertura de rádio ficará a cargo da Rede Católicas de Rádios (RCR) que produzirá boletins diários.

Parte da cobertura jornalística internacional fica a cargo de Silvonei José, representante do Vaticanews – agência de notícias de Roma, que estará em Aparecida (SP), como enviado especial, para cobrir a 56ª AG e traduzir a informação para 9 idiomas.

Segundo o padre Rafael Vieira, assessor de Imprensa da CNBB, esse conjunto de ações pretende fazer ecoar para o maior número de pessoas possíveis as reflexões e debates realizados pelos bispos do Brasil durante a sua 56ª Assembleia Geral.

Fonte: CNBB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *